(…) ler com insaciável voracidade as páginas deste épico brilhante. 

Esta última frase, da sinopse do livro O Regresso dos Deuses: Rebelião, de Pedro Ventura, descreve por inteiro – e sem erro – aquilo que eu senti desde a primeira palavra lida até à última. 

Seguir as pisadas de Calédra era um desejo inebriante que me fazia adormecer cada dia mais tarde, enquanto folheava mais uma página, e mais outra; só mais uma… 

São poucos os livros que fazem isso e qualquer autor que consiga escrever uma história com semelhante efeito está de parabéns. 

O livro está bem escrito, o texto flui como água, os personagens estão bem construídos – mesmo com todos os segredos que escondem, nada pareceu desencaixado -, mas o destaque vai para a impressionante Calédra, tão poderosa quanto bela, e para a forma como o Pedro consegue agarrar o leitor; é como se a Rainha dos aurabranos deitasse as próprias mãos cá para fora e nos segurasse – firme -, do lado de cá, até ter acabado de contar o que tinha a revelar.

É um livro magnífico de um autor com grande potencial, demonstrando, mais uma vez, o discernimento da Presença nas suas escolhasem autores Portugueses.

Anúncios